Transacção Eni e Exxon Mobil: NÃO HÁ TRANSPARÊNCIA NO CÁLCULO DO VALOR DAS MAIS-VALIAS

109

A Autoridade Tributária acaba de anunciar que a Eni East Africa deverá pagar 350 milhões de dólares norte-americanos ao Estado Moçambicano, em imposto de mais-valias, resultante da venda de 25% da sua participação na área 4 da Bacia do Rovuma à multinacional americana Exxon Mobil. Entretanto, não há transparêcia na determinação do valor das mais-valias.

Leia o texto na íntegra