Fraca Recuperação de Activos: PGR Tem Base Legal para Agir e Não Lamentar-se

O Gabinete Central de Combate à Corrupção (GCCC), na sua informação referente ao ano de 2017, veio fazer eco das declarações da Procuradora-Geral da República1, no sentido de que não existe base legal e nem um gabinete próprio vocacionado especialmente para a recuperação de activos em consequência do que se observou no ano transacto e que tem sido recorrente ao logo dos anos. No ano de 2017, segundo o GCCC, foi causado um prejuízo de cerca de 610 milhões ao erário público, sendo que do valor em causa, somente foram recuperados 17 milhões de meticais, um imóvel avaliado em 23 milhões de meticais e cinco viatura cujo valor não foi especificado.

Veja o artigo na íntegra