Dívidas Ilegais Levam a Queda de Moçambique pelo Terceiro Ano Consecutivo no Índice de Percepção da Corrupção da Transparência Internacional

217

Pelo terceiro ano consecutivo, Moçambique voltou a registar uma queda no índice de Percepção da Corrupção da Transparência Internacional (Corruption Perception Index – CPI na sigla em língua inglesa). Como vem acontecendo nos últimos anos, esta nova queda consecutiva, não se pode dissociar da questão, sempre presente, das dívidas ilegais (comummente chamadas de “ocultas”) em que o país se acha mergulhado e da incapacidade demonstrada pelo judiciário em responsabilizar os suspeitos pela sua prática.
O que se observa é que, desde 2016, ano em que as dívidas foram descobertas, a posição do país no CPI tem vindo a conhecer uma acentuada queda.

Leia o texto na íntegra