Filho de Guebuza viveu na casa de Iskandar Safa e foi retido em Dubai com 100 mil dólares na mala

Andrew Pearse contou história curiosa sobre Armando Ndambi Guebuza, o filho mais velho do antigo presidente da República, Armando Emílio Guebuza, agora detido em Maputo em conexão com as dívidas ocultas. Disse que Ndambi viveu cerca de um ano na casa de Iskandar Safa, no sul da França, e quando estava de regresso a Moçambique levou 100 mil dólares na mala, a bordo do avião. De escala em Dubai, foi retido pelas autoridades locais, mas depois deixado seguir graças à assistência da Privinvest. Na França, Ndambi quis comprar casa para uma prostituta, por 11 milhões de euros.

Leia o texto na íntegra